Produtos, best-sellers e respectivas nomenclaturas

Recomendado várias vezes por por grandes amigos, semana passada li o Monge e o Executivo. É um best-seller de auto-ajuda que tem como enfoque a personalidade comportamental de um líder. Como todo livro popularmente lido, a linguagem é simples, clara e pobre, já esperava por isso. Os conceitos são interessantes. Discutíveis, mas interessantes. Concordo que seja útil sua leitura por quem gerencia alguma empresa ou ao menos tenha personalidade de liderança.
Mas, algo me chamou muito a atenção. O título:

O Monge e o Executivo

. Ainda acompanhado pela frase

“Uma história sobre a essência da liderança”

. Interessante, não? O que você espera de um livro desses? Uma história interessante sobre um monge e seus ensinamentos a um executivo; experiências intensas, atos notáveis, lições de moral; exemplos de atitudes simples que revolucionariam sua produtividade empresarial ou até social. Isso foi o que eu pensei que encontraria.
Infelizmente, me deparei com uma história vazia. Um enredo criado apenas para exprimir os fundamentos através de uma narrativa. Facilmente, tudo o que é dito pelos personagens poderia ser apresentado através de um texto reflexivo, informativo, referencial. A diferença é que não haveria interação. Muito menos atenção é necessária para ler uma narrativa simples que reflexões, solilóquios e discussões teóricas. E o livro foi escrito apenas para vender, não para marcar época.
Apesar de ser decepcionante (“Quem mexeu no meu queijo?” o supera), faz parte de um seleto grupo dos produtos que, considero, vendem pela boa escolha do nome. Um clássico exemplo que posso dar é o refrigerante H2OH. Para quem não o conhece, é produzido pela Pepsi e há pouco tempo se tornou um vício brasileiro. Trata-se de nada mais que uma soda qualquer feita sem a adição de açúcar e de baixo teor calórico. Tem a polêmica fenilalanina em sua composição, tal como algumas vitaminas. Só.
Apenas um refrigerante disfarçado em um nome que sugere algo saudável. E não é tão saboroso assim para conquistar tantos clientes. É a prova do poder sugestivo. Aposto que muitos desatentos, que são os melhores clientes, pensariam: “Em vez de tomar um refrigerante, que sei, não faz bem à saúde, vou tomar algo mais saudável. Garçom, uma H2OH pra mim”. A condição atual da sociedade é tão preocupante que tomamos refrigerante quando optamos pelo bem da saúde.
Além de funcionar com o livro, essa minha teoria dos nomes é válida para muitos outros produtos, que terei prazer em citar, assim que encontrá-los em maior número.
Uma lição, porém, foi aprendida: best-sellers não valem nada e não compensam o tempo gasto!

Anúncios

2 comments so far

  1. daiane lucheta on

    pois eh..

    agora vaja vc como são as coisas….:

    pedi no google :
    “nomes que posso dar ao meu grupo de jovens”

    e olha oq me aparesse?:
    recomendações para c ler o livro “o monge e o esecutivo”–
    um livro ótimo, muito bom (jah li ), mas que naum devia estar aki…
    pelo menos naum nessa página, neh?

    aí depois minha mãe m fala:
    dai kirida, naum fica estressada!!!…

    e tem como naum fica?

  2. gobbueno on

    É. Realmente.
    Mas não se faz perguntas ao Google, nem se escreve frases sem aspas. Poderia ter pesquisado por: nomes “grupo de jovens” se quisesse achar conteúdo realmente relevante.
    De qualquer forma, se você pesquisa é porque prefere pesquisar a criar um próprio. Isso é falta de criatividade, somada a falta de bom senso em fazer uma pergunta ao Google.
    E já que toquei na falta de bom senso, caso meu blog não ofereça o conteúdo que você buscou, simplesmente saia. A culpa não é minha e não mereço ler que minha opinião não deveria estar aqui. É claro que deveria. VOCÊ é que não.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: